Artesanato de carangolense que começou vendendo salgadinhos e porta-retratos vira marca nacional

Artesanato Simone Oliveira no Brasil e em feiras internacionais

O coador de café usado vai virar arte

Pensar que esta era uma cadeira velha de escola que iria pro lixo

Com a artesã, designer e empresária, Simone Oliveira

O Atelier Brasil Pitanga, antes local era um laticínio desativado

REPORTAGEM ESPECIAL. Nossa reportagem foi até a cidade de Carangola (90 Km de Muriaé) E 35 mil habitantes para conhecer Simone Oliveira, a artesã, que agora já é chamada de designer nas grandes feiras nacionais e internacionais. O seu atelier, o Brasil Pitanga, instalado em um antigo laticínio, tem amplo espaço e o suficiente para abrigar todas as suas oficinas que empregam 20 funcionários, e expor os produtos, que são muitos. A produção chega a mais de 2.000 peças/mês. O local virou também um centro de visitação local e de pessoas de fora.

Conhecemos todo o atelier, que começou tudo de forma tão simples que Simone Oliveira jamais poderia imaginar que seu trabalho alcançasse tanto sucesso e reconhecimento. Ela começou há 17 anos vendendo salgadinhos da lanchonete dos pais, inclusive no Fórum da cidade, e paralelamente, fazia porta-retratos de folha de zinco, que vendia para os amigos, até que aconteceu uma grande encomenda, veio de uma loja de Muriaé.

Mas o sucesso maior estava por vir; quando assistia a TV, o programa de Ana Maria Braga, viu o reaproveitamento do coador de café usado e isso despertou o seu lado artesã. Hoje o seu principal produto são as luminárias charmosas e luxuosas que já passaram por feiras no Brasil, em Nova York (EUA) e Milão (Itália).

Um detalhe: para ter condições de fazer a sua primeira luminária, ela pediu a uma loja de Muriaé uma emprestada e depois devolveu. Dalí saíram três, e ela mal sabia que viraria o carro-chefe de sua empresa. Daí por diante ela engrenou, hoje o Brasil Pitanga tem uma grande produção e a maioria dos produtos vai para o Rio Grande do Sul.

Para conseguir tantos filtros usados ela tem postos de coleta em Carangola, onde troca por filtros novos. Além deste projeto sustentabilidade, tem também projetos sociais, como da APAE, visando a inclusão. O mais incrível é a criatividade, o talento e a percepção desta artista; qualquer coisa pode virar uma boa peça em seu atelier: colchão de mola velho, portões velhos de casa, grades enferrujadas, caixas de leite, cadeiras de escola (vimos um conjunto que vai para um bar chique que será inaugurado em Campinas-SP), onde ela tem excelentes parcerias, e ainda vai inaugurar uma eco loja. Além disso, está fazendo parceria com os arquitetos, profissionais da arquitetura verde daquela cidade.

A sua participação de 20 minutos ao vivo no programa global da Ana Maria Braga foi um sonho e uma grande oportunidade de divulgação de seu talento e de seus produtos. Foi também uma vitória para seus funcionários, aqui chamados de artistas, artesãos. “Acredito em sonho. Existe o otimista, o pessimista e o possibilista, acho que sou possibilista, acredito e vejo nas coisas a possibilidade e tenho sorte de ter uma equipe que compartilha a mesma ideia” disse concluindo que com relação ao futuro pretende exportar. Para 2018, fará exposição na importante feira de Paris (França), a “Maison et Objet”

VEJA NESSES LINKS A PARTICIPAÇÃO DE SIMONE OLIVEIRA NO PROGRAMA MAIS VOCÊ:

https://globoplay.globo.com/v/6273790/programa/ – Matéria no atelier Brasil Pitanga, em Carangola. https://globoplay.globo.com/v/6273788/programa/ – Presença da artesã no programa Mais Você com Ana Maria Braga. https://globoplay.globo.com/v/6273814/programa/ – Simone ensina a fazer uma luminária com coador de café usado.

VEJA A GALERIA DE FOTOS clicando logo abaixo em “Leia Mais”.

Ver Mais Notícias

13 Comments

  1. Simone teve aquele momento, aquela faísca que iluminou sua vida com a fagulha artística. Seu trabalho tem o equilíbrio que agrada, sem sair dos tons e sobretons do ocre, proporcionados pelas manchas, contornos e acidentes felizes  estampados nos filtros usados de café. Arte é isso: colocar ordem e harmonia no caos, tornando mais belo o  espaço, mesmo sem o recurso rico e infinito das cores. 

  2. Parabéns Simone Oliveira, nunca tive dúvidas de seu talento. Já conhecia o trabalho da Simone e tive a oportunidade de conhecê-la pessoalmente em uma feira em São Paulo, naquela oportunidade a parabenizei e disse a ela que dali pra frente não tinha mais erro. Tá aí o resultado, abriu a mente para o empreendedorismo e agora é colher os frutos de seu trabalho fantástico e sustentável.

    os produtos estão lindos, a artesã está mais linda ainda. Como o sucesso faz bam às pessoas!

    Parabéns.

      

  3. Eu tive a alegria de estar com ela, uma pessoa humilde, atenciosa, carismática, alegre, e isso eu vi que refletia nos funcionários além do trabalho que é maravilhoso, a criatividade dela é inesgotável, persistente, guerreira, uma mulher vencedora merecedora de todo sucesso! Que o Senhor continue te abençoando Simone, porque a gente vê você também faz crescer os que estão à sua volta.

    Parabéns!!!!

  4. De volta a morar em Minas, na cidade onde nasci, Miradouro, depois de 30 meses no Rio de Janeiro, quero ser parceira de Simone com os coadores usados de café , que aumentam meu lixo. Já, tudo que é orgânico, estou passando para quem faz compostagem e adubo orgânico. É o ” luxo do lixo ” e o melhor que podemos fazer para o nosso planeta Terra, tao lindo. Já não aceito sacolas plásticas, carrego as minhas, sempre as mesmas. Não uso canudinhos de plástico, que podem ir causar danos no rio. E etc….
    Parabéns Simone e seus já muitos colaboradores.! Em setembro irei aí conhecer você, seu trabalho magnífico e seus colaboradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Close