Sem identificação: materiais encontrados no carro incendiado passarão por exame de DNA em BH

Ainda não foi possível a identificação dos dois corpos encontrados dentro de um veículo Cross Fox, branco, incendiado nesta Sexta-feira Santa, que seria de Muriaé-MG, e talvez não será possível devido a alta temperatura em que foram expostos durante o incêndio.

Nossa reportagem foi informada que uma pessoa foi ao IML de Muriaé e disse que poderia ser de um familiar por causa do carro, mas não era possível fazer a identificação.

O IML de Muriaé, através da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil, enviará para Belo Horizonte os materiais para que sejam submetidos a exames de DNA, e posteriormente, coletar de supostos familiares, material para que seja feita a comparação.

O crime ocorreu possivelmente na madrugada na estrada de chão que liga a BR-116 ao distrito de Itamuri (17 Km de Muriaé) e foi comunicado às autoridades pela manhã. Até o momento está sendo tratado como duplo homicídio, mas ainda não houve pronunciamento oficial das autoridades.

Foram encontrados no local projéteis, bonés, e dentro do carro uma pistola com carregador queimados.

Ver Mais Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *