SOBREVOAMOS O VERMELHO II. CONJUNTO HABITACIONAL AINDA SEM OCUPAÇÃO

PREFEITURA ANUNCIOU NESTA TERÇA-FEIRA (11) CONVOCAÇÃO DOS BENEFICIÁRIOS DO VERMELHO II PARA ATUALIZAÇÃO DOS DADOS

A reportagem do Site Silvan Alves em parceria com Lucas Drone Imagens sobrevoou o maior conjunto habitacional da região de Muriaé, um dos maiores da Zona da Mata Mineira com 563 casas populares. A obra teria iniciado a cerca de 5 anos. Todas estão prontas e possivelmente já sofrem alguns danos devido a ação do tempo.

Pedimos à Prefeitura de Muriaé informações sobre o que falta para que as residências sejam ocupadas:

“Sobre as obras necessárias para a entrega do empreendimento, o Residencial Vermelho II está totalmente pavimentado e com sistema de iluminação pública instalado. Já foi realizada terraplanagem para construção de um Pró-Infância, e as obras da Estação de Tratamento de Esgoto estão 80% concluídas, com previsão de término em junho deste ano.

Em relação à construção da escola, de acordo com o projeto inicial já foram cumpridos 25% das obras, cuja previsão de conclusão é no início de 2020.

Deste modo, a entrega das casas está condicionada à finalização do cronograma de obras, previsto para início de 2020, com a construção da escola”.

PREFEITURA ANUNCIOU NESTA TERÇA-FEIRA (11) CONVOCAÇÃO DOS BENEFICIÁRIOS DO VERMELHO II PARA ATUALIZAÇÃO DOS DADOS

Devem procurar CRAS mais próximo ou o Núcleo de Atendimento de Assistência Social. A Prefeitura de Muriaé, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, solicita que os beneficiários do Residencial Vermelho II procurem o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência ou o Núcleo de Atendimento de Assistência Social (NAAS) para orientações.

O procedimento visa atualizar dados dos beneficiários das unidades habitacionais. Os proponentes devem procurar o CRAS ou o NAAS (anexo ao Centro Administrativo), de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 17h.

Ver Mais Notícias

2 Comments

  1. Enquanto no construir um acesso dentro das normas DNIT, a qual um secretário e obras de Muriaé disse aqui mesmo neste portal que faria de qualquer jeito, não haverá liberação deste empreendimento.
    Agora sugiro ao novo secretário de obras de Muriae, ” seja humilde e procure o DNiT e encontrem uma solução.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *