Estádio Soares de Azevedo passa pela revisão da CBF e está classificado para receber jogos das séries A,B,C e D

Uma equipe da empresa SD PLAN, credenciada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), através do programa “Projeto Gramados CBF” fez um levantamento do Estádio Soares de Azevedo, que incluiu todas as medidas do campo de futebol, levantamento topográfico, curvas de nível e elementos físicos de toda a área de competição que abrange 360 graus do centro da área do gramado até o início das arquibancadas, além do levantamento luminotécnico. 

“Esse levantamento visa a padronização dos gramados nos Estádios Brasileiros. A CBF enviará posteriormente o relatório de recomendações desenvolvido pela SD Plan/Stadia, com a planta do estádio e todas as medidas corretas a serem implementadas” disse um dos representantes à diretoria do Nacional Atlético Clube, dono do Estádio Soares de Azevedo.

O presidente do Nacional Atlético Clube (NAC), José Geraldo Pimentel, falou sobre a vistoria assim que os trabalhos foram concluídos. “Conforme vistoria de uma empresa prestadora de serviços junto a CBF, acompanhada de um representante da Federação Mineira de Futebol (FMF), o estádio Soares de Azevedo está apto a receber qualquer partida de futebol dos campeonatos brasileiros séries A,B,C,D”, disse.  

A diferença de medidas do gramado foi de apenas 27 cm, o que segundo a diretoria já foi corrigida. 



Coordenador do curso de Odontologia do Unifaminas de Muriaé participa de evento na Alemanha


O coordenador do curso de Odontologia, Ernesto Rodrigues, do Centro Universitário UNIFAMINAS, de Muriaé está participando do IDS - International Dental Show 2017, que começou nesta terça-feira (21) e encerra neste sábado, 25 de março.

O IDS é de extrema importância para profissionais da Odontologia, o evento que acontece na Alemanha reúne empresas, representantes e profissionais de diversos países onde são apresentado os últimos produtos da área de Odontologia, desenvolvimentos e tendências da indústria, com inovação e demonstração de uma gama de produtos.



Meninos baianos são parados em Muriaé após viajarem mais de 1.000 Km escondidos em carro dentro de cegonha

Meninos viajavam na carroceria desta caminhonete

Viagem clandestina nesta cegonha foi mais de 1.000 km (dois dias)

Nos pertences de um dos meninos, este simulacro de pistola

Os policiais conversando com o caminhoneiro

Entrevista com o policial rodoviário federal, Joel Guedes

DISSERAM QUE IRIAM TENTAR UMA NOVA VIDA EM SÃO PAULO. Nossa reportagem registrou na tarde desta quinta-feira no Posto da Polícia Rodoviária Federal, um fato pouco comum, a chegada de dois adolescentes baianos, que depois de viajarem mais de 1.000 Km escondidos na carroceria de uma caminhonete Ford Ranger, dentro de uma cegonha, viagem de dois dias, foram parados em Muriaé. 

Os meninos, um de 14 anos e o outro de 15 anos, entraram no veículo que estava dentro da Cegonha, no distrito de Entroncamento, município de Jaguaquara, na Bahia, no meio da madrugada, quando a carreta estava parada no Posto Pousada Paraná. 

Durante a viagem, segundo os meninos, eles apenas tomaram água. O caminhoneiro disse que em momento algum percebeu que eles viajavam na cegonha, e só tomou conhecimento na região de Muriaé, quando um colega do mesmo setor, ao passar por ele, viu os meninos na carroceria de uma caminhonete Ford Ranger, e o comunicou via rádio. 

Ao saber do fato inusitado, o caminhoneiro parou no Posto da Polícia Rodoviária de Muriaé, onde os policiais rodoviários fizeram a abordagem aos menores T. S. C. e  M. D. O. S. L. deitados no fundo da carroceria. 

“Solicitamos que os dois menores desembarcassem do referido veículo, e em vistoria nos seus pertences, três sacolas, encontramos além de algumas peças de roupa e objetos de uso pessoal, um simulacro de arma de fogo. 

A sacola na qual foi encontrada o simulacro de arma de fogo, uma sacola branca com roupas sujas de óleo lubrificante, foi identificada como sendo do menor M. e em conversa com o condutor da cegonha, ele nos informou que teria carregado seu veículo na fábrica da Ford, em Camaçari-BA, na terça feira (21) e que teria iniciado sua viagem por volta das 12 horas. Disse que parou ao fim da tarde no Posto Pousada Parana, na localidade de Entroncamento, município de Jaguaquara-BA.

Os menores informaram que viajavam clandestinamente com destino a São Paulo na intenção de começar uma vida nova. O menor M. informou ainda que morava sozinho em uma casa alugada e paga pelo seu pai, e que somente sua madrasta sabia de suas intenções com relação a viagem. 

Diante dos fatos encaminhamos os menores à presença desta autoridades policiais, bem como o simulacro de arma de fogo e todos os seus pertences, acompanhados de um representante do Conselho Tutelar” informa o policial rodoviário federal, Joel Guedes.



Fechamento Casa da Menina: Mães agradecem e dizem ter esperança. Despesa mensal da casa seria de R$ 25 mil

Nossa reportagem foi acionada na tarde desta quarta-feira (22) para um encontro com mães de meninas que eram beneficiadas pela Casa da Menina de Muriaé, entidade social que tem 54 anos de fundação e que está encerrando atividades dia 31 de março. 

Atualmente a entidade tinha como mantenedor o Instituto Otávio Augusto (INOA) das Organizações Elder Abreu, desde 2013. As seis mães que puderam estar presentes no momento da entrevista deixaram claro que não estavam ali para criticar e sim agradecer pelo que foi feito nos últimos quatro anos por suas filhas e que o resultado foi muito positivo. 

Ao mesmo tempo, as mães demonstravam preocupação com o fechamento e disseram que as meninas passam a ser distribuídas nos programas sociais da Prefeitura de Muriaé, deixando a rotina que permitiam as mães a trabalharem na região do bairro da Barra e as meninas estudarem no DECA, próximo a Pracinha da Barra e o Odaléia, na Pracinha do Trabalhador.

"Tinham tudo aqui, desde a escola, cultura, cuidados pessoais, oportunidade de crescer, e nós mães a oportunidade de acompanhar mais de perto. Temos a agradecer ao Sr. Elder Abreu, mas também estamos preocupadas, e temos a esperança de que alguém ainda possa assumir a Casa da Menina" disse a mãe, Michelle Nunes Durães, representando as demais mães presentes, Rosângela e Marisa (Nova Muriaé), Vanderly (Barra II), Josiane e Priscila, (Aeroporto) e Tháis (Inconfidência). O fechamento frustrou também pessoas que já estavam inscritas no programa da Casa da Menina e aguardavam uma vaga.

DESPESA MENSAL

Conforme apuração de nossa reportagem, desde que assumiu em 2013, o Instituto Otávio Augusto (INOA) tinha uma despesa mensal de manutenção da Casa da Menina de R$ 25 mil em média, além de R$ 300 mil que gastou com a reforma. Uma grande equipe formada por profissionais como professores, psicólogo, tutores de oficinas, professor de música, cozinheira, faxineira era mantida na casa, que continuou recebendo também ajuda da sociedade muriaeense, pois há outras despesas.  

NOTA OFICIAL ENVIADA AO SITE SILVAN ALVES PELO INSTITUTO OTÁVIO AUGUSTO (INOA) NO INÍCIO DA SEMANA 

"Neste mês de março, as Organizações Elder Abreu, através do Instituto Otávio Augusto, decidiram encerrar os trabalhos na Casa da Menina, certos que de que nos últimos quatro anos, prestaram uma importante contribuição à sociedade muriaeense, fazendo todos os esforços possíveis para a manutenção da Casa. Ressalta-se que todas as crianças terão o apoio para os encaminhamentos necessários aos projetos e escolas municipais.
 
A Casa da Menina é uma entidade particular que presta serviço de natureza pública. Ela não está vinculada a nenhum órgão da Administração, tendo sido reconhecida como de utilidade pública, pelos serviços que presta. Foi criada pela Sociedade São Vicente de Paulo, que a administrou enquanto teve condições. Em 2013, ano em que a entidade encerraria suas atividades, surgiu o Instituto Otávio Augusto, que assumiu a administração da Casa, fazendo as modificações necessárias, tanto na estrutura física quanto funcional, adequando os procedimentos ao Estatuto da Criança e do Adolescente.
 
A Casa da Menina vai deixar de existir, a partir de 31 de março de 2017, a não ser que outras pessoas/empresas/institutos queiram assumir a continuidade do projeto. Mas a realidade desse momento é a do fechamento.
 
As Organizações Elder Abreu reforçam que continuarão contribuindo com outros projetos sociais, como sempre fizeram ao longo dos seus 20 anos de existência, exercendo o papel fundamental de empresa cidadã".



Câmara aprova terceirização para todas as atividades da empresa. Trabalho temporário passa de 3 para 6 meses

Câmara aprova terceirização para todas as atividades da empresa. Texto também aumenta de três para seis meses o tempo permitido para trabalho temporário. Matéria segue para sanção presidencial. O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (22), o Projeto de Lei 4302/98, que permite o uso da terceirização em todas as áreas (atividade-fim e atividade-meio) das empresas.

Foi aprovado um substitutivo do Senado para a matéria, que também aumenta de três para seis meses o tempo do trabalho temporário, prazo que pode ser alterado por meio de acordo ou convenção coletiva de trabalho. O texto será enviado à sanção presidencial. Texto aprovado nesta quarta-feira (22) também libera o trabalho temporário tanto para as atividades-fim quanto para as atividades-meio das empresas.

A matéria foi aprovada com parecer do deputado Laercio Oliveira (SD-SE), que excluiu do texto uma anistia para as empresas – tanto contratantes quanto de terceirização – relativa a multas e penalidades impostas com base na legislação modificada e não compatível com a nova lei.

Outra mudança no parecer, relacionada ao trabalho temporário, inclui trecho da redação aprovada anteriormente pela Câmara para deixar claro que essa modalidade poderá ser usada nas atividades-fim e nas atividades-meio da empresa. SAIBA MAIS clicando logo abaixo em "Leia Mais".

LEIA MAIS. CLIQUE E VEJA A MATÉRIA COMPLETA. »



Quer testar a suspensão e amortecedores de graça? Fabismar e Cofap estão na Praça João Pinheiro até sábado

A empresa muriaeense, Fabismar em parceria com a Cofap, trouxeram a Muriaé neste final de semana o programa SHOCKTESTER COFAP - MAGNETI MARELLI – que está disponível e gratuitamente na Praça João Pinheiro para quem quiser conferir a suspensão/amortecedores, fornecendo em poucos minutos, após o teste computadorizado, um relatório preciso.

“Este programa chega a Muriaé através da Fabismar em parceria com a COFAP. Estávamos há três anos tentando trazer para nossa região porque é importante para os proprietários de veículos. Aqui fazemos o SHOCKTESTER COFAP - MAGNETI MARELLI com medição da suspensão, conferência do amortecedor e fornecemos um relatório para o cliente. O teste é muito rápido, cerca de cinco minutos, e é computadorizado.

A equipe composta por Clévio, Albuquerque e Eugênio veio do Rio de Janeiro e São Paulo e está aqui organizando o evento pra gente em parceria com a Fabismar” disse o empresário, Fábio Rodrigues Finttelman (Fabinho).

PRAÇA JOÃO PINHEIRO nesta quinta e sexta-feira de 9h às 16 horas e sábado de 9h às 14 horas. É só seguir os cones e entrar no túnel. Teste gratuito.

VEJA MAIS FOTOS clicando logo abaixo em “Leia Mais”.

LEIA MAIS. CLIQUE E VEJA A MATÉRIA COMPLETA. »



Depois de perseguição e tentativa de fuga a pé, PRF apreende mais de 200 quilos de maconha próximo a Juiz de Fora

A Polícia Rodoviária Federal em fiscalização na rodovia BR 040, em Juiz de Fora, apreendeu na noite desta quarta feira (22) 209,5 Kg de maconha. "Determinamos a parada de um Ford Fiesta que transitava no sentido Rio de Janeiro. O condutor do veículo empreendeu fuga em alta velocidade e percorreu cerca de 20 km, até que fosse abordado pelos policiais.

Ainda assim, o homem de 29 anos, identificado pelas iniciais M. B. S., tentou fuga a pé, sendo imediatamente contido pela equipe destacada na ocorrência.

No interior do veículo foram encontrados diversos tabletes de substância semelhante à maconha, que totalizaram cerca de 209,5 kg da droga. Em consulta aos sistemas, verificou-se também que o veículo usava placas clonadas, tendo em seus registros ocorrência de roubo. Ocorrência encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil em Juiz de Fora" relata a PRF.



Trevo do Dornelas pode receber semáforos. Demuttran faz contagem de veículos e elabora projeto

A equipe técnica do Departamento Municipal de Transportes e Trânsito de Muriaé (Demuttran) faz no momento a contagem volumétrica de veículos no Trevo do Dornelas. O objetivo é levantar dados para o plano de instalação de semáforos no local.

O projeto, que está sendo elaborado pela Secretaria Municipal de Obras Públicas, será protocolado nos próximos dias junto ao escritório regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O documento conterá, ainda, análises e propostas técnicas, além do relatório informativo e fotográfico sobre acidentes ocorridos no local nos últimos anos.

Scroll To Top