Dia Internacional da Mulher

Maria Madalena da Mata Barros, a dona “Maninha” 84 anos, de Muriaé

Dona Josina Souza Pires, 81 anos, da comunidade de São Domingos

Aurelina de Oliveira Campos, a dona “Nina Campos”, 80 anos, do distrito de Belisário

Dona Josina Rita Coelho, 71 anos - Zona rural de Muriaé

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher trazemos três personagens para representar as demais mulheres de Muriaé e Região e a todas as mulheres internautas espalhadas mundo a fora. Uma delas é dona “Maninha” que mora na cidade e que começou sua luta em Santo Antônio do Glória, distrito de Vieiras-MG. A outra é a dona Josina Pires, personagem da zona rural, e também dona Nina Campos, que já rodou o mundo.

Vamos começar falando de dona Maria Madalena da Mata Barros, a dona “Maninha” 84 anos, que deu a luz a 17 filhos, apenas dois falecidos. Sua vida foi dedicada a criação dos filhos, ao lar e aos serviços domésticos. Um orgulho para todos os familiares, exemplo de força. São filhos de dona “Maninha”: Maria da Glória, Sílvio, Neide, Marlene, Sebastião Paulo, Marcelo, Claudete, Bernadete, Márcia, Célio, José Márcio, Hélia, Valéria, Otaviano e Elizeth (falecida) e um que faleceu assim que nasceu. O filho mais novo é o Marcelo com 38 anos e a mais velha é Neide, com 63 anos.

dona Josina Souza Pires, 81 anos, moradora da comunidade de São Domingos (40 km de Muriaé) também é uma super mulher, a começar pela quantidade de vezes que deu a luz, 18 vezes, e todos criados com muito carinho. Três dos filhos morreram: um deles com dois anos, outro com um ano e o outro com sete meses. Criada na roça, sua vida inteira foi dedicada ao esposo, aos filhos e o lar. Ela disse que foi e é uma mulher feliz. São seus filhos: Valdomiro, Valdemar, João, Joaquim, Edgar, Daniel, Adilson, Joel, Valter, Alziria, Alice, Marli, Neuza, Luciana e Zilene. O mais novo tem 30 anos e o mais velho 51.

Aurelina de Oliveira Campos, a dona “Nina Campos”, 80 anos, teve uma vida diferente, não teve filhos, rodou o mundo trabalhando em serviços burocráticos, foi funcionária em consulados brasileiros de vários países, fala várias línguas fluentemente e ao se aposentar escolheu Belisário (distrito que fica a 33 Km de Muriaé), para morar e lá realiza um trabalho de desenvolvimento comunitário importante para o crescimento da comunidade, incluindo aí o crescimento cultural, ambiental político e profissional das pessoas.

Dona Josina Rita Coelho, mora na zona rural de Muriaé, próximo a belisário. Aos 71 anos de idade, ainda faz as mesmas tarefas de quando começou a trabalhar aos 8 anos: apanha café, planta, colhe, capina, tira leite e faz uma grande produção de delícias da roça, a começar pela famosa broa de melado na folha de bananeira, destaque no estado de Minas Gerais. “Sou independente, sempre fui, sempre trabalhei. Nunca dependi de dinheiro de homem para comprar nada” disse com orgulho informando que os filhos, no total de 5, são também todos independentes. Sua vida foi uma aventura muito grande, sempre andava a pé, chegando a fazer percurso de até 18 Km, devido as dificuldades existentes na zona rural . Destaca que o mundo melhorou para as mulheres citando que elas hoje podem andar sozinhas, irem ao médico, trabalhar para ganhar seu dinheiro, viajar, está no mundo dos negócios, pode ser é independente. “Estou começando a viver agora, pois já criei os filhos e todos são independentes, assim como eu”.

O Dia Internacional da Mulher teve início em 8 de Março de 1857, nos Estados Unidos em meio a muito tumulto e fatos trágicos. No ano de 1910, em uma Conferência na Dinamarca, ficou decidido que o dia 8 de Março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as 130 mulheres que morreram carbonizadas  na fábrica em 1857. Mas somente em 1975, através de um Decreto, a data foi oficializada pela ONU - Organização das Nações Unidas.



Notícias Policiais de Muriaé e Região

Um dos rapazes presos pela Polícia Civil na tarde de ontem

As últimas 24 horas foram mais tranquilas para as polícias Militar e Civil tendo como destaque uma ação da Polícia Civil que recuperou com três jovens objetos furtados em residência e a PM prendido um rapaz que assaltava lojas na região do Centro. O que chamou mais atenção também na tarde de ontem, foi a notícia espalhada dando conta que um verdureiro de Miradouro teria sido assassinado naquele município ou em Fervedouro. Nossa reportagem entrou em contato com a polícia desses municípios, mas nada foi confirmado. O interessante é que até a Perícia Técnica da Polícia Civil de Muriaé havia sido acionada. Nas últimas 24 horas a PM registrou 25 ocorrências. Foto de Cláudio Cordeiro.



Notícias da Tarde: Ações Policiais

SUSPEITOS DE FURTOS NA REGIÃO DE VERMELHO SÃO PRESOS PELA POLÍCIA CIVIL. A Polícia Civil de Muriaé, através de uma equipe de investigadores chefiados pelo delegado Dr. Rangel Martino, prendeu dois rapazes e apreendeu um menor suspeitos de serem os autores de um furto ocorrido no dia 11 de fevereiro, em um chalé, às margens da Estrada de Vermelho. Na ocasião foram levados duas espadas (objeto de decoração de colecionador), e um cordão, e segundo informações eles fugiram para o Residencial Nova Muriaé, onde moram. O cordão teria sido vendido e as espadas escondidas no mato para vender posteriormente. Na DP os detidos confessaram o crime e falaram onde haviam escondido o produto de furto, sendo ouvidos pelo delegado Dr. Fernando Nassar Rocha e liberados por não haver mais flagrante. Um dos envolvidos, 19 anos, quase foi linchado em Vermelho recentemente após tentar furtar uma residência. As fotos são de Cláudio Cordeiro.

“PASSA O DINHEIRO” DIZ LADRÃO – MAS ARMA ERA UM PORTA CIGARROS: Foi preso na tarde de hoje pela Polícia Militar, através dos militares Sargento Benedito e Sd. Joab, um rapaz que tentou roubar uma loja no Centro de Muriaé, na parte da manhã. Ele foi localizado pelos militares que estavam de posse de suas características. Agora será investigado se ele tem participação em outros roubos a lojas da cidade, já que é suspeito da prática desta modalidade de crime. O mais curioso é que ele atacava dizendo que está a armado, sendo que não mostrava a arma que estaria debaixo da camisa, e a PM descobriu que a arma tratava-se de um porta maço de cigarros e isqueiro. De qualquer forma, a recomendação das autoridades de segurança é que a vítima nunca reaja a assaltos, tem que preserva a vida em primeiro lugar.



Onça é atropelada e morta em Pirapanema na madrugada desta terça

Onça pesava entre 60Kg e 70 kg e media cerca de 1,60m de comprimento

 

Paulo Henrique e Jucelino registraram o fato quando chegavam ao trabalho

Com a ajuda de celulares trabalhadores muriaeenses fizeram registro importante

Local onde ocorreu o acidente, já no alto da Serra

RESULTADO DO DESEQUILÍBRIO AMBIENTAL: Uma onça macho, pesando entre 60 e 70 quilos, com cerca de 1,70m de comprimento (segundo informações das pessoas que a viram) foi atropelada e morta possivelmente nesta madrugada de terça-feira. O acidente aconteceu na BR-356 (Estrada Muriaé-Ervália) já chegando no alto da Serra de Pirapanema e chamou muito a atenção de quem passava pelo local. Entre outras pessoas, dois trabalhadores muriaeenses que estão trabalhando em Pirapanema, registraram o fato com seus celulares e disseram à nossa reportagem que foi uma cena triste que presenciaram e ao mesmo tempo rara, pois não é comum ver uma onça e ainda mais daquele tamanho que veio para o meio da pista, numa região habitada. Em conversa com dois produtores rurais desta região eles disseram que há pouco tempo foi morto um cachorro da fazenda, encontrado restos do animal, e que um bezerro está desaparecido, podendo eles terem sido vítimas desta onça.

NÃO É A PRIMEIRA VEZ: Esta não foi a primeira onça que morreu atropelada na região. Em um passado próximo, um desses animais típicos da floresta atlântica, desta vez uma onça pintada, morreu atropelada na BR-116, região entre o Belvedere e Barreiro.


Notícias Policiais de Muriaé e Região

CARRO FURTADO RECUPERADO EM SÃO FRANCISCO DO GLÓRIA: Polícia Militar de São Francisco do Glória através da viatura comandada pelo Sargento Ranquine, recuperou o veículo Fiat Uno, placa, GYZ 2633, de Juiz de Fora-MG, o qual teria sido furtado em Cabo Frio-RJ. O carro estava com um morador de São Francisco do Glória, inclusive sem a documentação. “Uma testemunha teria visto o veículo com as mesmas características do seu, inclusive com a placa GYZ-2633 de Juiz de Fora-MG, o qual transitava pelas ruas da cidade, alegando ainda, que constantemente tem recebido multas de trânsito, a qual não cometera. Saímos em rastreamento e localizamos na garagem de uma residência de um senhor de 58 anos. Ele disse não ter os documentos e que comprou o veículo em Fervedouro-MG, no córrego Rosa Verde. Em consulta ao chassi do veículo, constatamos tratar-se de veiculo furtado na cidade de Cabo Frio-RJ em setembro de 2010”. O autor, foi conduzido à DEPOL de Muriaé e ficou preso”, relata o Boletim de Ocorrência. Os dados corretos do veículo são: Fiat Uno Mille Smart, placa KZE 0266 – Magé-RJ, chassi 9bd15828814217703. Trabalharam nesta ocorrência a equipe do Sgt. Ranquine, Sd. Anacleto e Sd. Silva Marques.

VEÍCULO FURTADO EM MURIAÉ NESTA TERÇA: Um veículo Fiat Uno, duas portas, vermelho, ano 95, placa GRB 2806, de Muriaé-MG, com insufilme, preto, rodas de alumínio tipo estrela, aerofólio preto na traseira e com a seta dianteira quebrada foi furtado no estacionamento do Hospital São Paulo. “o furto aconteceu na tarde desta terça-feira, se alguém tiver notícias, por favor, entre em contato com a polícia. Desde já obrigado”, disse o dono do veículo.

VOLTAREMOS EM BREVE COM MAIS NOTÍCIAS: FIQUE LIGADO. ESTAMOS LIGADOS EM MURIAÉ E REGIÃO.



PM encontra suposto desmanche

A Polícia Militar através da viatura comandada pelo Cb. Roberto afirma ter localizado na tarde desta terça-feira, um suposto desmanche no bairro José Cirilo. Segundo os militares em uma parte da casa de dois andares estavam dois veículos que seriam furtados e que estariam sendo desmanchados, e que o furto havia sido comprovado por duas placas que estavam no lixo. Na casa estavam também em um dos quartos uma grande quantidade de peças de veículo. “Tudo indica que caracteriza um desmanche. Tudo será recolhido e levado para o Pátio Itajuru, e o caso passado à Polícia Civil” disse Cb. Roberto informando também caso o dono comprove a procedência das peças e dos carros, ele pode recorrer à Delegacia. O dono estava viajando, segundo informação passada à PM através da esposa. Tudo será investigado para que a situação seja esclarecida. Um oficial da PM, o Tenente Torres também acompanhou a operação.



Nascimento de gêmeos prematuros em casa mobiliza equipes dos Bombeiros

Socorro foi rápido, mas infelizmente bebês não resistiram

Sargento Menon: "Equipe ficou emocionada"

O Corpo de Bombeiros de Muriaé atendeu uma ocorrência que trouxe muita movimentação e que deixou os militares emocionados na tarde de hoje, no bairro do Porto. A correria foi grande assim que uma mãe disse pelo telefone que estava dando a luz aos filhos no sofá da casa, mas ao chegar ao local, os gêmeos haviam nascido, coube aos militares cortar o cordão umbilical, enrolar os bebês em um pano e em seguida acionar outra viatura. Os bebês foram primeiro na viatura Resgate e a mãe, logo em seguida em outro veículo equipado para este fim. Os militares utilizaram-se da bolsa kit de parto. “A mãe estava praticamente em choque devido ao parto e as crianças terem nascido muito antes da hora, com apenas cinco meses. Eles estavam com vida, mas faleceram aqui no hospital. É uma ocorrência especial pra gente, emociona muito, principalmente a gente que é pai, infelizmente não deu para salvar a vida deles” disse emocionado o Sargento Menon. Participaram da ocorrência o Sargento Menon, o Sd. Fayer, Sargento Fernando e Sd. Gomes, apoiados pelos militares, Sargento Ivo e Sg. Wellington, do caminhão auto-bomba-tanque que passava pelo local.



Promotor fala sobre andamento das Ações contra as igrejas do bairro Porto

Fórum Tabelião Pacheco de Medeiros, Muriaé

Cinco igrejas do bairro do Porto tem Ações contra elas na Justiça

A reportagem do Site foi recebida nesta segunda-feira pelo promotor de justiça da 6ª Promotoria do Ministério Público de Muriaé, Dr. José Gustavo Guimarães da Silva, o qual passou mais detalhes sobre das Ações contra cinco igrejas do bairro do Porto (Evangélicas e Católica) com relação à poluição sonora. De acordo com o promotor, o fato chegou ao MP através de uma advogada moradora do bairro do Porto. “Ela enumerou algumas igrejas, mas disse que o problema era generalizado, ou seja, se referia a todas as igrejas, e para que não houvesse algum tipo de privilégio, proteção e nem perseguição, determinamos que fosse feito um levantamento de todas as igrejas e templos religiosos existentes naquele bairro, para uma apuração a cerca da existência ou não da perturbação do sossego pela poluição sonora”, disse o promotor. A partir daí, onde foi constatada a propagação do som acima dos limites legais, é que foi proposta a Ação que está tramitando em juízo. No total são cinco igrejas diferentes. “Tivemos o cuidado de não observar que tipo de religião que estava sendo processado, pelo contrário, a gente agiu indistintamente em relação a todas as igrejas e procuramos fazer tudo mais ou menos na mesma época, em relação a todas elas para não ser acusado de perseguição      ou proteção por parte do MP. Pode-se dizer que em todas as igrejas foram constatados, em mais de duas oportunidades, que o nível do ruído estava bem acima do limite legal permitido, ou seja, do máximo que são 70 decibéis, algumas chegando a 74 dB, 75 dB, 79 dB e 80 db.

PRÓXIMO PASSO DO PROCESSO: Segundo o promotor de Justiça, Dr. José Gustavo, o próximo passo será as igrejas apresentarem suas contestações, pedidos iniciais que foram feitos pelo MP, o qual vai pedir ao juiz do caso, faça uma Audiência de Tentativa de Conciliação. “As igrejas serão todas chamadas para que ocorra de forma conjunta, apesar de serem processos distintos, ou seja, uma só Audiência para todas, quando o MP vai propor uma forma de acordo, uma composição para tentar dar uma solução consensual a este problema que está acontecendo, seja propondo modificação adaptação ou adequação nos edifícios onde funcionam as igrejas no sentido de tentar evitar que haja a poluição sonora”, disse Dr. José Gustavo deixando claro que a finalidade não é perseguir, impedir o funcionamento das igrejas e sim de ajudar a encontrar uma solução para que não haja transtornos para a população.

AÇÕES PARECIDAS: Perguntei se já houveram Ações parecidas com esta em Muriaé, e ele relatou que sim, não contra igrejas, mas contra os bares que funcionam na região do Aterro, sendo que propôs também uma ação parecida com esta das igrejas. No caso dos bares foram constatadas a poluição sonora e perturbação do sossego.

DRa. ZÉLIA RODRIGUES COURI, ADVOGADA, MORADORA DO PORTO E AUTORA DA REPRESENTAÇÃO: "Bem Silvan, cumprimento pela seriedade de seu site, instrumento altamente educativo, capaz de esclarecer bem a opinião pública e alavancar um processo de conscientização profunda de nossa comunidade. realmente, como cidadã, sempre atenta aos problemas e aos direitos das pessoas, desde que meus pais ainda estavem vivos, convivi com o sofrimento deles, residindo ao lado de uma igreja do bairro, onde o barulho ensurdecedor do som não deixava que tivessem sossego e tranquilidade para viverem seus últimos anos de vida. E faleceram ambos com quase 90 anos. Da mesma forma, em frente à minha casa, num pequeno comodo, com som voltado para o exterior, foi instalada uma “igreja”, a do “Fogo Puro”, que de respeito ao direito dos demais, nada sabe. por inúmeras vezes pedi que baixassem o som, e o que obtive foi incompreensão. Alegavam que eu estava perseguindo a Igreja e que Deus colocaria sua mão pesada sobre mim, rogando ‘praga”, demonstrando uma concepção equivocada do Pai. Não tive outra opção. Quanfo procurei o MP foi porque a defesa dos direitos difusos e coletivos é de sua relevante competência. E feito o laudo Técnico foi constado que o som de otdas as igrejas da rua estava sendo usado com a provocação de ruído acima do limite permitido em lei municipal, o Código de Posturas. O Mp agiu de acordo com a Lei, por isto obteve a liminar que requereu ao Juiz da causa (3ª Vara Cível), que determinou que, caso fosse descumprida a determinação para baixar o som, os infratores pagariam multa de R$ 3.000,00 por dia de descumprimento. Algumas igrejas já baixaram o som, todavia, aquela que gerou todo o problema assim ainda não o fez. Impõe, pois, que haja policiamento na região para que todos cumpram devidamente o que determina a lei. E se há abusos por parte de bares, veículos, e outros, que sirva a ação do MP de alerta: vivemos num Estado Democrático de Direito e neste, todos devem respeitar as leis e ao p´roximo. de nada adianta irmos á Igreja e demonstrarmos nosso amor à deus, se de nosso lado, nosso próximo não respeitamos. Coloco-se à sua disposição Silvan para quaisquer outros esclarecimentos.



Novo Site da Publicmais

Já estar no ar o novo Site da empresa de comunicação visual, Publicmais. Agora você pode ter acesso aos serviços, conhecer a estrutura da empresa e efetuar seus pedidos e orçamentos On-line. Os serviços da empresa são focados em dirigir e gerir sua marca desde o início do processo de criação, oferecendo-lhe assessoria e gestão na renovação e construção de sua identidade visual, assim como, no desenvolvimento de planos de meio de comunicação e campanhas publicitárias, entre outros. A empresa conta também com o método de gráfica rápida para atender pequenas demandas. Agora você já sabe... cartões de visitas, panfletos, impressos em geral, adesivos, personalização de CDs e DVDs (impresso direto na mídia), criação de web site.  Tem um endereço certo! Visite nosso site e faça um orçamento On-line! www.publicmais.net. Contato: Carlos Henrique e Harley



Saúde: secretário fala sobre avaliação positiva de Muriaé em pesquisa nacional

Dr. Marcos Guarino de Oliveira, Secretário de Saúde de Muriaé

MURIAÉ CONSEGUE NOTA 7,18 EM PESQUISA DO MINISTÉRIO DA SAÚDE QUE FOI PUBLICADA NO JORNAL "O GLOBO" COM RELAÇÃO DE TODOS OS MUNICÍPIOS. O secretário de Saúde de Muriaé, Dr. Marcos Guarino de Oliveira falou nesta segunda-feira sobre os números positivos conquistados pela Saúde de Muriaé, em uma pesquisa nacional, a do IDUS – Índice de Desempenho do Sistema Único de Saúde. A matéria com resultado da pontuação de cada município foi publicada pelo jornal “O Globo”. Com 7,18 pontos, Muriaé ficou em 3º lugar entre as cidades que compõem o grupo 2, formado apenas por municípios de porte semelhante ao seu, estando incluída entre as 347 cidades – de um total de 5.565 – que conquistaram nota acima de 7, que, segundo o Ministério da Saúde, é o mínimo que o SUS deve ter. “Foi muito importante para Muriaé. A avaliação em sua maior parte é feita sobre a Atenção Básica, levando em conta também alguns procedimentos de média e alta complexidade, no total de 24 itens que levam em consideração, como por exemplo, o tratamento e a prevenção de doenças como a Tuberculose, Hanseníase, cobertura do Programa de Saúde da Família (município tem 30 equipes atendendo quase 100% da população), Saúde Bucal (Muriaé recebeu nota 10 pelo material e profissional que tem na rede). São números positivos, claro que precisamos melhorar muito ainda. Representou muito, temos que comemorar a colocação, mas a saúde não para, temos que trabalhar para reduzir a mortalidade infantil, e está chegando aí a UTI Neonatal, a mortalidade materna também, e teremos em breve o projeto Viva a Vida do Governo de Minas, a Urgência e Emergência, Pronto Socorro do HSP, vai ficar mais desafogada, com a chegada da UPA, entre outros itens. A gente só dá valor ao atendimento a saúde quando vamos a outras cidades e percebemos como é a realidade de cada uma. Em Muriaé contamos com grandes profissionais, proprietários de clínicas particulares, atendem convênios diversos e particulares, e que fazem parte da rede municipal. No entanto o que foi avaliado, não foi grandes hospitais, aparelhagens caras, coisas caras, e sim os programas do Governo Federal que trabalham com a prevenção, a Atenção Básica a Saúde. Todos os profissionais de saúde e o prefeito José Braz pelo seu empenho, estão de parabéns, os números servem como incentivo para todos nós”, disse o secretário.

Scroll To Top