Falta de chuva muda rotina na zona rural. Minas secam e produtores rurais ficam sem água em casa

SECA 234 (Copy)

João Herbert foi o primeiro a ficar sem água em casa

SECA 241 (Copy)

Silvério Gonçalves busca água para beber a 4 Km

SECA 208 (Copy)

A reserva de água de Silvério serve também para o gado de João

SECA 224 (Copy)

“Moro aqui há 20 anos e nunca vi uma seca assim”

SECA 129 (Copy)

Alcina mudou para a rua após ficar totalmente sem água

SECA 172 (Copy)

O produtor, Tico Coelho tenta recolher água do telhado quando chove….

SECA 167 (Copy)

… e ele tenta solucionar o problema fazendo uma cisterna

SECA 153 (Copy)

José Carneiro, dono de uma mina “milagrosa” socorre os vizinhos

SECA 147 (Copy)

Quem passa pela estrada não deixa de parar na mina

SECA 161 (Copy)

A mina teve incentivo de um projeto de preservação de nascente

REPORTAGEM ESPECIAL. Nossa reportagem foi neste final de semana até as comunidades rurais de São Tomé, Bonsucesso e Itajuru, no distrito de Belisário (45 Km de Muriaé), para registrar um grave problema de falta de água em propriedades rurais, onde algumas famílias estão sem água até mesmo para beber, usar na casa e para os animais. A solução tem sido usar charretes e motos, para buscar duas vezes ao dia, água em tambores, lata e outros recipientes na Bica do José Carneiro, que fica distante de suas residências até 4 Km ida e volta. João Herbert, sitiante, foi quem sofreu primeiro, as minas secaram, uma vez que vinham diminuindo desde junho do ano passado. Ele ficou sem água em casa e para o gado e a esposa, Alcina, teve que se mudar pra rua (Belisário). Ele continua no sítio usando água da bica que busca longe e para o gado, divide uma pequena reserva do vizinho Silvério Gonçalves, que está sendo solidário. Silvério também não tem água potável, busca na bica, e para uso em casa tem um pequeno poço, mas de água suja. “Não temos água nem para beber, não chove desde dezembro quando todos esperavam pela chuva. Moro aqui há 30 anos moro aqui e nunca vivi uma situação assim. Se não fosse a reserva do vizinho Silvério, teria que retirar o gado daqui”, disse João Herbert. Já na casa do produtor rural, Tico Coelho, a água acabou de vez, nem para beber tem. Ele tenta recolher do telhado o pouco que cai quando chove, e a solução é água da mina que também fica distante de sua casa e agora faz uma cisterna e espera ajudar. José Carneiro, o dono da mina que seria uma atração turística para servir quem passa pela estrada, agora vem servindo os produtores rurais neste período de seca prolongada, um dos maiores dos últimos anos. “A bica foi criada a partir de um projeto de preservação de nascente idealizado pelo jornalista Renato Sigiliano, e também como atrativo, e agora apesar da seca que afeta toda a região, está servindo e muito. Temos crise de água, eu não, graças a Deus, e podemos até servir os vizinhos e moradores de Belisário. Até as pessoas da roça vem pegar água aqui para usar em casa em todos os sentidos, lavar roupa, fazer comida e beber. A vasão dela há um ano era de 11 litros por minuto, agora está com sete litros por minuto e depois do reflorestamento de outubro até hoje praticamente não choveu na região de Muriaé, e a água vem se mantendo, e na última medição, dia 24 de janeiro está dando 7,5 litros por minuto. O reflorestamento certamente ajudou e muito para preservar a nascente. Vou aproveitar e dizer o que tenho em mente, uma seca assim nunca vi na vida e não é deste ano, ela vem desde 2011, quando choveu muito, mas depois, praticamente não choveu mais, foi pouca a chuva até 2015. Prova disso são as enchentes de Muriaé desde 2011 que não acontecem, e as águas que chegam lá saem daqui de nossas cabeceiras também. Outro fator para ajudar a minimizar os efeitos da seca seriam as pequenas barraginhas, e de preferência mais distante dos afluentes. O que contribuiu com a diminuição das nascentes ou mesmo sumiu com elas, certamente são as drenagens de várzeas e junto os desmatamentos”, disse José Carneiro que está sendo solidário com todos os vizinhos cedendo a água da mina.



Suspeito baleado durante troca de tiros com a PM

DSC02854_620x396

Arma do suspeito foi apreendida no momento do tiroteio

A madrugada foi movimentada no meio policial, um homem foi baleado durante uma troca de tiros no bairro Santa Terezinha. Segundo a PM, tudo começou quando um suspeito de ter furtado um veículo Fiat Uno, ao ver uma das viaturas no bairro parou, desceu do carro e passou a atirar contra os militares que revidaram. O homem fugiu mesmo baleado na perna, mas foi preso logo depois em uma residência e levado ao HSP.



Pai e filho assassinados em Carangola neste sábado

Foto (Copy)

Pai e filho foram assassinados em Carangola neste sábado dentro de um bar, as vítimas são Claudio França do Carmo, de 41 anos e Ramon Rosa do Carmo de 17 anos. Segundo informações, os crimes ocorreram em um bar do bairro Santo Onofre e o motivo teria sido negociação de um automóvel. “A vítima foi para o ponto comercial onde também chegaram seus filhos. Após alguns instantes o outro homem entrou armado no bar com um revolver na mão e seguiu em direção a Claudio, um dos filhos dele, Ramon Rosa do Carmo, de 17 anos, entrou na frente e foi atingido no peito peito. Então o autor efetuou tiros contra Cláudio, o pai, e mais um em Ramon que estava caído. O autor chegou a sair do bar e retornar logo em seguida e atirou outras duas vezes e fugiu em seguida em uma moto. Quando o socorro do SAMU chegou ao local já encontraram Ramon sem vida e Cláudio ainda com vida, e apesar dos esforços ele não resistiu e também morreu. Policiais foram até a casa do suposto autor dos disparos e com a autorização da esposa do mesmo realizaram buscas pela casa, mas o suspeito não foi encontrado. Informações sobre o suspeito foram passadas a unidades policiais da região para localizar o suspeito”, relata a reportagem do Site Portal Carangola. (www.portalcarangola.com)



Corrida e Caminhada Beneficente de Eugenópolis

10941301_866956306660003_35981469_n_620x465

10949841_866956753326625_860769522_n_620x465

10941695_866956866659947_1634609087_n_620x465

Os três primeiros lugares do Masculino

10934170_866956966659937_1486206858_n_620x465

Os três primeiros lugares do Feminino

961370_866956199993347_926158229_n_620x465

Aos 77 anos, Igídio José de Paula correu e foi premiado

10954687_866955746660059_1801684897_n_620x465

10943140_866955566660077_1503773960_n_620x465

Organizadores da Corrida e Caminhada

Foi realizado na noite deste sábado, na cidade de Eugenópolis (25 Km de Muriaé) a 1 Corrida e Caminhada Beneficente do Bairro Pouso Alegre, uma organização de Antônio José de Paulo.  O evento contou com cerca de 90 participantes. Veja a classificação – MASCULINO: 1. Alcebíades Silveira; 2. Sebastião L. Bruno; 3. Rafael Martins. FEMININO: 1. Elaine Cristina Anastácio; 2. Gilma Ferreira; 3. Mariana Bizarro. CORREDOR MAIS IDOSO: Igídio José de Paula, 77 anos. CORREDOR MAIS JOVEM: Davi (4 anos). Nossa reportagem foi até Eugenópolis e acompanhar o evento beneficente. VEJA MAIS FOTOS clicando logo abaixo em “Leia Mais”.

LEIA MAIS. CLIQUE E VEJA A MATÉRIA COMPLETA. »



Programa social dá oportunidade de emprego para adolescentes. 27 vagas e inscrições abertas

DSCN7614_620x465

A Prefeitura Municipal de Muriaé, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, informa que estão abertas as inscrições para a o processo seletivo do Programa Atitude Jovem, lançado na gestão do prefeito Aloysio Aquino. O Programa consiste em uma bolsa estágio, voltada para adolescentes e jovens que estão devidamente matriculados e cursando o 2º e 3º ano do Ensino Médio em instituições públicas conveniadas ao município. Os interessados em participar do processo seletivo deverão comparecer na Secretaria de Desenvolvimento Social, no primeiro andar do Centro Administrativo, até o dia 30 de janeiro, no período de 8 às 11 horas ou das 13 às 16 horas, munidos de documentos, como: RG; CPF; duas fotos 3X4; comprovante de residência; declaração escolar e boletim escolar atuais; deverá estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico); apresentar renda per capita de até meio salário mínimo; RG e CPF do responsável. Inicialmente, a Prefeitura de Muriaé estará oferecendo 27 vagas. Os candidatos selecionados terão a oportunidade de atuar em setores da Prefeitura, no Fórum, na Polícia Militar, na Defesa Civil, na Superintendência Regional de Ensino e no Departamento Municipal de Saneamento Urbano (Demsur).



Energisa esclarece apagão neste final de semana

energisa

A Energisa esclarece que a interrupção no fornecimento de energia elétrica que ocorreu no dia 23 de janeiro, nas regiões de Cataguases, Leopoldina, Além Paraíba e Muriaé foi ocasionada por um problema nas linhas de distribuição de alta tensão da Light próximas a São José, no Rio de Janeiro. A Light é a empresa responsável pelo suprimento da energia que chega à Energisa e abastece a região. A Energisa reforça que, em conjunto com a Light, tomou todas as medidas necessárias imediatamente logo após o ocorrido, o que permitiu a normalização do fornecimento de energia em grande parte da região afetada nos primeiros 10 minutos depois da ocorrência. A energia elétrica, em todas as regiões, foi totalmente restabelecida assim que o fornecimento da Light foi normalizado, em cerca de 40 minutos. A Energisa aguarda, junto à empresa responsável pelo suprimento de energia, informações detalhadas sobre as causas que motivaram a interrupção.

Scroll To Top